Blog de crítica e opiniões sobre as políticas que afetam negativamente a humanidade. O Homem na atualidade necessita urgentemente de arrepiar caminho, em busca de um novo Mundo!

28
Fev 09

O conceito de segurança pública é bastante abrangente e não se limita a políticas do combate à criminalidade e nem se restringe a actividade policial.

A segurança pública tem a ver com todas as acções de repressão à violência e ao crime, tendentes a oferecer os imputs necessários para que os cidadãos possam conviver em sociedade, trabalhar e se divertir, ou seja usufruir da tranquilidade pública.

A insegurança é um fenómeno até há pouco desconhecido entre nós, mas na minha opinião chegou em força e para ficar. Se não houver, entretanto, medidas adequadas à repressão de todas as acções que geram insegurança, chegaremos rapidamente a um ponto sem retorno e, teremos de viver em insegurança constante.

A segurança das pessoas e dos bens são valores fundamentais da sociedade.
Estamos a beira de um estado de insegurança pública, pois todos os dias vemos crimes contra a vida, contra a honra e contra a integridade física dos cidadãos. Os criminosos são apanhados, libertados e voltam a praticar crimes.

Isto pode ficar a dever-se a existência de leis demasiado permissivas e penas insuficientes, a falta de meios humanos e materiais às Polícias, ao sistema judicial, e mais razões poderia aqui enumerar.

Mas chave para este flagelo terá de passar pela educação, pois é um dos factores de mudança, de desenvolvimento, de civilidade, de cidadania.

Nos quando condicionados pela educação somos seres mutáveis, capazes de sermos influenciados e de influenciar.

Por isso acredito que só esta via nos poderá conduzir, a uma vivência em segurança e tranquilidade pública.


Francisco Fonseca

 

publicado por franciscofonseca às 16:58
sinto-me:

2 comentários:
Boas!

Desculpe discordar da sua opinião em relação a segurança ou à falta dela mas é que a repressão só por si não resolve nada. Vejamos o exemplo dos Estados Unidos ou mesmo do Brasil que agora se encontra a braços, no Rio de Janeiro, com uma míni guerra civil. O que precisamos é de políticas económicas e sociais inclusivas, que criem oportunidades para todos, menos desiguales na distribuição dos rendimentos, para que existam menos assimetrias que conduzem muitas vezes ao crime ou pelo menos legitimam a conduta criminosa. Precisamos de lideres políticos exemplares e íntegros que sejam imbuídos de um verdadeiro espírito de ajuda às pessoas na procura do bem comum. A educação poderá ser um início de tudo isto mas só produzirá efeitos nas próximas gerações, a longo prazo e como todos sabemos no longo prazo todos estaremos mortos!!!
Só nos resta esperar que Nossa Senhora de Fátima apareça no Terreiro do Paço e faça o milagre de mudar a mentalidade dos nossos governantes e lideres políticos para que no curto prazo as coisas mudem e a nossa geração possa beneficiar de um país mais seguro com oportunidades para todos.

Um abraço!

JoãoJ a 29 de Novembro de 2010 às 11:32

Obrigado pelo seu comentário João. Concordo consigo no seu ponto de vista, mas os políticos que você quer, também eu queria, o problema é que não existem. Os políticos são oriundos da nossa sociedade. A sociedade a muito que perdeu esses valores, que você defende e que eu partilho e muito, logo vai ser muito difícil encontrar políticos no curto prazo, que sejam capazes de transformar a nossa desequilibrada sociedade.
Mais uma vez obrigada.
Um abraço
franciscofonseca a 29 de Novembro de 2010 às 17:58

Fevereiro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
12
13
14

15
16
19
21

23
24
25
26


TIME
Google Analytics

mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

11 seguidores

pesquisar neste blog
 
TRANSLATE THIS BLOG
English French German Spain Italian Dutch Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
VISITANTES
blogs SAPO