Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Desculpem, mas Portugal não está em crise

por franciscofonseca, em 25.05.13

O nosso país plantado a beira-mar é fantástico, porque a natureza lhe deu tudo quanto é necessário para que o seu povo possa viver. Pena foi que o criador tivesse colocado nele gente que não se governa nem se deixam governar. Sempre assim foi ao longo da história e fatalmente assim continuará a ser no futuro.

Portugal está intervencionado financeiramente, a maioria da população passa por grandes restrições, privações e dificuldades, os governantes não têm soluções para sair deste buraco, os jovens abandonam todos os dias o país à procura de oportunidades, que a sua pátria não lhes consegue proporcionar. Por outro lado, Portugal está no top 5 europeu na compra de automóveis de luxo.

Se fizermos uma comparação com os restantes países sob resgate financeiro, rapidamente verificamos que Portugal é aquele onde marcas como a Mercedes, BMW, e Audi têm maior quota de mercado, superiores a países como Espanha, Itália, França, Irlanda e Grécia. Curioso que em 2012 foram vendidos seis vezes mais destes automóveis em Portugal do que na Grécia.

Mais, em 2012 Portugal foi um dos países europeus onde se venderam mais carros de luxo, só a Alemanha e o Luxemburgo ficaram á frente. A venda de BMW, Audi e Mercedes, tem maior expressão em Portugal do que em países do norte da Europa, como a Áustria, Suécia e Finlândia, onde o poder de comprar é muito superior. A tendência de crescimento de vendas de carros de luxo está a manter-se em 2013.

Desculpem, mas sou obrigado a concluir que Portugal não está em crise. A crise não é para todos, enquanto uns vivem em condições desumanas, outros ostentam sinais exteriores de riqueza, passeando-se em carros de luxo. Somos um país de extremos, de um lado os muito ricos e do outro os muito pobres. A sociedade está cada vez mais desequilibrada, fraturante, sem valores, pois continuam a ser os que sentem maiores dificuldades a pagar os excessos e as extravagancias dos mais ricos. Penso que este país maravilhoso merecia outra gente.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:45


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.




Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D