Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Eleições, votar, para quê?

por franciscofonseca, em 26.12.10

 

Portugal vai ter eleições presidenciais dia 23 de Janeiro próximo. Seria de esperar que o debate político fosse intenso, como acontece em todas as democracias jovens, mas todos os debates televisivos, até ao momento resultaram num fracasso absoluto. O desinteresse é manifesto nesta eleição e corre-se o risco de serem batidos todos os recordes de abstenção.

Penso que as estratégias do marketing político terão de ser repensadas, nomeadamente no que diz respeito aos mais jovens, na faixa abaixo dos 40 anos. Acabamos de festejar o centenário da implementação da República, passado este século, o povo dá mostras de estar cansado deste sistema. É urgente nos dias de hoje modernizar e actualizar as principais estruturas políticas de um país, não deixar que os cidadãos se afastem e se tornem indiferentes perante quem os dirige, este prenúncio normalmente é fatal para as democracias.

A nossa sociedade e o sistema estatal continuam demasiado centralizados, tudo acontece na capital, tudo o resto é mera paisagem. Os grandes contrastes sociais aumentam, em vez de se atenuarem, as injustiças crescem exponencialmente, enquanto a justiça é cada vez mais ténue. Todos nós sabemos e constatamos diariamente, que o mérito continua sendo preterido, na maioria das vezes, pela indicação “digital”, ou seja, a escolha baseada no favorecimento.

Os eleitores sabem, seja qual for o vencedor das eleições, que a mesa continuará posta para os mesmos, nada vai mudar, os que sempre mandaram, continuaram a mandar neste país. Assim, não votar passará a ser um dever cívico.

 

Francisco Fonseca

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:26


Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.




Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D