Blog de crítica e opiniões sobre as políticas que afetam negativamente a humanidade. O Homem na atualidade necessita urgentemente de arrepiar caminho, em busca de um novo Mundo!

15
Nov 11

A velha Europa volta a viver dias de muita agitação política e social. Chegamos a este ponto porque a união europeia sublinhou demasiado o aspeto económico, não fomentando uma união política e cultural. Este aspeto cultural tornou-se atualmente tão egoísta, que nos trouxe até uma situação muito fragmentada, muito heterogénea e muito diversificada.

Assim, a debilidade cultural reflete-se na debilidade política e económica, levando-nos a perceber o modo de conceber hoje o sistema financeiro, ou seja, o primado da pessoa em favor do capital e o bem comum em favor do lucro desenfreado.

Hoje, todas as medidas anunciadas são em prol de uma finança, que se vê como um fim a si mesma e que vive como um absoluto. Mais, rompe a relação que deve haver com a economia e com o desenvolvimento e acaba por mortificar ainda mais o desenvolvimento económico.

Claro que a política está condicionada pelo poder financeiro. O poder político é um poder débil, sem capacidade para harmonizar as diferentes instâncias da sociedade, pois quem comanda de fato não é a economia real, mas sim a finança. É por isso que todas estas medidas de austeridade são erróneas, pois partem de um pressuposto errado.

O ponto mais delicado é que temos um sistema financeiro especulativo, ultraliberal, absoluto, que não presta contas a ninguém. A solução está em mudar o estilo de vida, caso contrário ficaremos perante outra crise. A mudança tem de passar por uma visão não consumista, mais equilibrada e que sabe utilizar os recursos.

Por outro lado é necessário fazer um esforço maior a nível formativo e nível cultural. As medidas não devem privilegiar alguns, mas olhar a todos, em particular as situações mais difíceis ou dos mais pobres. Deve partir-se dos últimos para que todos estejam bem. Este tem de ser o paradigma a seguir, para não mergulharmos numa crise ainda mais profunda e penosa.

publicado por franciscofonseca às 18:18
sinto-me:

2 comentários:
A balança cada vez mais pende para o mesmo lado!! Para o lado dos mais afortunados!
Produtos Naturais a 16 de Novembro de 2011 às 14:46

Obrigado pelo comentário. Se não arrepiáramos caminho essa será a tendência , cada vez mais acentuada.
franciscofonseca a 16 de Novembro de 2011 às 15:38

Novembro 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11

13
14
18
19

20
22
23
25
26

27
29
30


TIME
Google Analytics

mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

11 seguidores

pesquisar neste blog
 
TRANSLATE THIS BLOG
English French German Spain Italian Dutch Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
VISITANTES
blogs SAPO