Blog de crítica e opiniões sobre as políticas que afetam negativamente a humanidade. O Homem na atualidade necessita urgentemente de arrepiar caminho, em busca de um novo Mundo!

06
Dez 11

A União europeia é uma entidade esquizofrénica. Senão vejamos, o seu objetivo primário é a criação de uma economia europeia integrada, deixando a soberania nas mão das nações, individualmente. Por outro lado, é vista como o prefácio de uma federação europeia de países, na qual um governo europeu central, com um parlamento e um serviço civil profissional, iria governar uma Europa federal, onde a soberania nacional estaria limitada a questões locais e a política externa ficaria a cargo do todo.

Mas a Europa não atingiu esse objetivo. Criou uma zona de comércio livre e uma moeda única, que alguns membros da zona de comércio livre usam e outros não. Não foi capaz de criar uma constituição política, contudo, permitindo a soberania das nações individuais, nunca tendo, assim, levado a cabo uma política externa ou de defesa unida.

A política de defesa, ao nível da sua coordenação, encontra-se nas mãos da NATO e nem todos os membros da NATO, como os Estados Unidos, são membros da EU. Com o colapso do império soviético, foram admitidos países individuais da Europa de Leste na EU e na NATO.

Em resumo, a Europa do pós-guerra Fria é um caos benigno. É impossível desemaranhar as relações institucionais extraordinariamente complexas e ambíguas que se criaram. Por baixo da superfície da EU, os antigos nacionalismos europeus continuam a afirmar-se, apesar de muito lentamente. Este facto é notório nas negociações dentro da EU. Os franceses, por exemplo, afirmam o direito de proteger os seus agricultores do excesso de concorrência, em prejuízo dos agricultores portugueses ou o direito de não honrar os tratados que controlam os seus défices, coma cobertura da Alemanha.

Portanto, num contexto geopolítico, a Europa não se tornará numa entidade transnacional unificada. Por estas razões, falar da Europa como se fosse uma única entidade, como os Estados Unidos ou a China, é uma ilusão. Trata-se de um conjunto de Estados-nação, ainda traumatizados pela segunda Guerra mundial, pela Guerra Fria e pela perda de um império. As alterações que Merkel e Sarkozy querem introduzir no tratado europeu não vão modificar esta realidade.

publicado por franciscofonseca às 13:27
sinto-me:

3 comentários:
Post legal.

Já conhece o novo agreagador Linkorama?


Você pode enviar quantos links quiser e aumentar a visibilidade do seu blog.

Linkorama.com.br
Carlos a 7 de Dezembro de 2011 às 10:19

hii.. Nice Post

Thanks for sharing


For latest stills videos visit ..

www.chicha.in

www.chicha.in
Anónimo a 20 de Dezembro de 2011 às 13:58

Thanks for coming.
franciscofonseca a 23 de Dezembro de 2011 às 00:34

Dezembro 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9

11
13
14
16
17

18
20
21
22
24

25
27
28
29
31


Google Analytics

mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

12 seguidores

pesquisar neste blog
 
TRANSLATE THIS BLOG
English French German Spain Italian Dutch Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
blogs SAPO