Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


O atroz turismo sexual de crianças

por franciscofonseca, em 20.04.11

Esta seria a pena acessória que eu aplicaria a este tipo de turistas.

O Camboja é visitado por dois milhões de turistas, que procuram crianças para terem relações sexuais. Este turismo pedófilo é do conhecimento das autoridades cambojanas, que nada ou pouco fazem, nem investigam, nem combatem este flagelo da humanidade. Existem cerca de 2 mil crianças nas ruas na capital do Camboja, Phnom Penh, que estão à espera dos predadores sexuais. Os polícias não querem saber dos vários bordéis destinados à prostituição de menores.

As crianças são apresentadas aos seus clientes, desfilando na passerelle, até serem escolhidas. Os turistas aproveitam para ter relações sexuais com as crianças e para gravar as imagens, que seguidamente são vendidas e colocadas na internet, através das redes de pedofilia.

Há turistas que fazem falsas adopções de crianças. Mas na realidade apenas as querem para ter relações sexuais. Muitas das vezes são os próprios pais, que oferecem as crianças para este tipo de adopção.

Como se não bastasse, estas crianças estão obrigadas a nunca contradizer um adulto, sendo violadas frequentemente pelos próprios pais, padrastos, irmãos, tios, primos e vizinhos. A sociedade cambojana apresenta uma matriz de profunda discriminação sexual, provocando uma estigmatização das vítimas.

A prisão mais mediática foi a de Kent Frank, um milionário da Flórida, de 45 anos, que foi detido, no seu quarto de hotel, quando abusava de  quatrocrianças. É horrendo saber que as organizações mundiais defensoras dos direitos humanos, quase nada fazem para acabar com este martírio de milhares de crianças inocentes, presas fáceis para estes abutres disfarçados de turistas. O Mundo caminha repentinamente, para a desumanização, onde cada vez mais impera a cor do dinheiro.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:09


Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Posts mais comentados



Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D